Filtro

Eventos @ Braga

ver todos

Theatro Circo

  • Theatro Circo
Theatro Circo
Av. da Liberdade, 697
4710-251 Braga
Braga
Mapa
Email:
Website
Telefone:
253203800
1 utilizador gosta disto

mais info
O Theatro Circo começou a ganhar forma na mente de um grupo de bracarenses por volta de 1906, nada menos que um século antes da “refundação” que ora sofre. Nesse início do século xx, Braga dispunha apenas do pequeno “São Geraldo”, ao gaveto da Avenida Central com a Rua dos Chãos, único espaço onde se podia ver algum teatro e cinema ou outros espectáculos de variedades. As maiores companhias portuguesas não podiam, contudo, apresentar aí as suas peças, dada a exiguidade da sala e do palco, o que tornava essa primeira sala de espectáculos tecnicamente limitada e pouco rentável do ponto de vista comercial.

Artur José Soares, José António Veloso e Cândido Martins lideraram, assim, uma comissão que tinha por missão constituir a “sociedade anónima” que lançaria mãos-à-obra na construção de um novo teatro, sendo adquirido que a nova casa devia satisfazer as carências da cidade e estar à altura do grande desenvolvimento que o teatro português sofria à época.

Instituída, a sociedade comprou parte da cerca do Convento dos Remédios e avançou para o concurso da obra, entregue ao arquitecto João de Moura Coutinho de Almeida de’Eça. Desta forma, a edificação começou em 1911 e terminou em 1914, ficando o Theatro Circo com capacidade para 1500 pessoas e afirmando-se de imediato como dos maiores e mais belos teatros portugueses.

A estreia aconteceria a 21 de Abril de 1915, tendo sido convidada para o momento inaugural a companhia do “Éden Teatro de Lisboa”, que, sob a direcção de José Galhardo, apresentou a peça “A Rainha das Rosas”, com Palmira Bastos no papel principal.

Ao teatro sucedeu-se o circo, tendo a “Companhia Equestre de W. Frediani” residido na nova sala entre 27 de Maio e 13 de Junho, isto para, no final do mesmo mês, o circo ser rendido pelo cinema, através da projecção do filme “Aventuras de Catalina”.

Refira-se, como curiosidade, que a sala estava organizada em taburnos ou tablados, que permitiam uma rápida adaptação do espaço aos espectáculos de circo.

Em 1999, o Theatro Circo foi submetido a profundas obras de restauro e requalificação, numa decisão do Executivo Autárquico que dá sequência a um protocolo estabelecido entre a Câmara Municipal de Braga e o Ministério da Cultura, co-financiado pelo FEDER.

A requalificação, constituída pelo restauro de todo o imóvel com total respeito pela sua arquitectura e pelo reforço e consolidação da estrutura e sua segurança, teve por objectivo a reconversão do Theatro Circo num grande complexo cultural, capacitado com a mais actual e completa tecnologia cénica e sonora, capaz de responder às necessidades da arte contemporânea nas suas mais variadas dimensões.

Para além da sala principal, com lotação de 899 lugares, o equipamento foi complementado com duas novas salas: um pequeno auditório com 236 lugares e uma sala de ensaios. Foi ainda aumentada a sua capacidade nas zonas de apoio com a dotação de novos camarins e armazéns. A requalificação incluiu ainda a reposição da traça original do Salão Nobre, libertado agora das alterações que foi sofrendo ao longo dos anos.

Todo este processo culminou a 27 de Outubro de 2006 com a reabertura do Theatro Circo, num momento de celebração marcado pela actuação da Orquestra Sinfónica Nacional Checa, que devolveu à cidade uma sala de imponência invulgar e de beleza arquitectónica difícil de suplantar por qualquer outra sala, portuguesa ou europeia.

Fonte: Sítio do Theatro Circo

Eventos @ Theatro Circo

Mostrando 1 - 4 de 4 resultado(s)

Algarve Hotéis
Temos o tipo de alojamento que procura ao melhor preço online.
Faça férias dentro do seu orçamento!

Comprove agora mesmo.